quarta-feira, 22 de abril de 2009

Pregando a "Briba"



Postei esse vídeo não como zombaria e nem com o intuito de promover humor nesse blog. É necessário esse esclarecimento antes que alguns “espirituais” condenem esse post ao inferno, interpretando mal o objetivo do mesmo. Esse vídeo mostra a triste realidade da pregação evangélica presente em muitos púlpitos desse país. Esse vídeo não deveria nos levar ao riso, e sim ao choro! Infelizmente!

Quais lições aprendemos com o vídeo “Pregando a Bibra”?

01. A igreja brasileira passa por uma crise de vocação, muitos estão ocupando espaços que não deveriam e infelizmente transformaram a “Casa do Pão” em casa sem alimento. Onde estão os “vocacionados” ao ministério pastoral? Homens que são “aptos para ensinar”?  Pessoas capacitadas por Deus para alimentarem o rebanho? Ora, se requer o mínimo de instrução para um ministério que a base é o ensino. Oremos para que Deus levante mais vocacionados!

02. É preciso acabar com a “mistificação” da ignorância. A igreja brasileira está cheia de apedeutas, sendo pessoas que fazem apologia da não-instrução. Antigamente era muito difícil estudar, mas hoje não! Só não se qualifica aquele que não se esforça! Isso mesmo que você leu. O país mudou, as escolas estão são de mais fáceis acessos. Conheci pastores no interior do nordeste que ganhavam mais de dois mil reais por mês, mas não tinham uma única bíblia de estudo ou uma pequena biblioteca. Será que não tinham dinheiro para qualificação? Ou faltava vontade e prioridade? Ora, são pessoas que não sabem e nem querem aprender!

03. O ministério pastoral tem que ser levado mais a sério. Não é qualquer um que pode assumir o controle do púlpito e de uma igreja. Não foram todos chamados para pregar. Nas igrejas pentecostais existe uma “mania” equivocada de incentivar todos os homens a se tornarem pregadores. Ora, uns foram chamados a diaconia e não ao ministério da Palavra, outros foram chamados a contribuição financeira e não ao ministério da Palavra.

Portanto, o vídeo “Pregando a Bibra”, que apresenta uma pregação “sem pé e nem cabeça”, que faz parte da realidade de milhares de evangélicos em todos os seus cultos dominicais.  Isso é muito grave e levará a cada dia essa igreja mais distante de um avivamento genuíno.

10 comentários:

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamado Gutierrez Siqueira,

A paz do Senhor!

Muita responsabilidade nas mãos deste irmão.

Muitos crentes, ficarão na dúvida, se de fato, era uma maçã ou não.

Maior ainda, nas mãos dos que permitem chegar a este ponto!

pr. Newton Carpintero
www.pastornewton.com

Anônimo disse...

será que esse video é verídico...... de onde é esse irmão que está "pregando"..... será que ele frequentou EBD.....será que tem alguém culto naquele lugar....será que nós, que nos julgamos cultos, estanos deixando de fazer a obra........alguém tem que achar esse irmão e ensiná-lo porque vontade de pregar ele tem só falta-lhe instrução...

oprodutor disse...

IDE e PREGAI O EVANGELHO Marcos 16:15/18
A MULA FALOU....PEDRO PESCADOR se tornou a IGREJA DE JC...
www.oprodutor.com

Talita Cristina M.Santos disse...

to triste em saber que isso existe...se for verdade né...mas creio que seja sim...ja vi coisas parecidas...."as lagrimas de Deus chorando pelo pecado desse "irmão" vão fazer um novo diluvio" rsrrsrrssr.

paz Guti

JOVENS SÁBIOS disse...

Fico triste em dizer, que mesmo que esse vídeo tenha sido montado, é verídico casos como esses. Eu mesmo presenciei em uma igreja no Rio de janeiro uma pregação parecida, e o mais surpreendente foi que no final do culto o pregador estava vendendo um DVD em que ele se aprensentava como "conferencista". Precisamos nos despertar...

Andrea Vieira disse...

Fico triste em dizer, que mesmo que esse vídeo tenha sido montado, é verídico casos como esses. Eu mesmo presenciei em uma igreja no Rio de janeiro uma pregação parecida, e o mais surpreendente foi que no final do culto o pregador estava vendendo um DVD em que ele se aprensentava como "conferencista". Precisamos nos despertar...

Jhosemberg disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jhosemberg disse...

Essa é uma dura e triste realidade; vim de uma Igreja Tradicional e hoje sou Pentecostal "até o tutano". O despreparo é real em qualquer tipo de Igreja, um subestima o conhecimento, o outro subestima o Espiritual... devemos ser flexiveis em nossas opiniões e nos preparar o melhor possível, mesmo com o pouco que tivermos em mãos. Um Livro que me chama atenção é a primeira Epístola de João (1 João), que fala de forma tão carinhosa ao Povo de Deus e com teor rico de palavras.

Anônimo disse...

Lc 23 22 Falou-lhes, então, pela terceira vez: Pois, que mal fez ele? Não achei nele nenhuma culpa digna de morte. Castigá-lo-ei, pois, e o soltarei.

1Co 5 12 Pois, que me importa julgar os que estão de fora? Não julgais vós os que estão de dentro?

1 cor.6
1 Aventura-se algum de vós, tendo algum negócio contra outro, ir a juízo perante os injustos, e não perante os santos?
2 Não sabeis vós que os santos hão de julgar o mundo? Ora, se o mundo deve ser julgado por vós, sois porventura indignos de julgar as coisas mínimas?
3 Não sabeis vós que havemos de julgar os anjos? Quanto mais as coisas pertencentes a esta vida?
4 Então, se tiverdes negócios em juízo, pertencentes a esta vida, pondes para julgá-los os que são de menos estima na igreja?
5 Para vos envergonhar o digo. Não há, pois, entre vós sábios, nem mesmo um, que possa julgar entre seus irmãos?
6 Mas o irmão vai a juízo com o irmão, e isto perante infiéis.
7 Na verdade é já realmente uma falta entre vós, terdes demandas uns contra os outros. Por que não sofreis antes a injustiça? Por que não sofreis antes o dano?
8 Mas vós mesmos fazeis a injustiça e fazeis o dano, e isto aos irmãos.
9 Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas,
10 nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.

Mt 7 3 E por que vês o argueiro no olho do teu irmão, e não reparas na trave que está no teu olho?

Tg 1 26 Se alguém cuida ser religioso e não refreia a sua língua, mas engana o seu coração, a sua religião é vã.

e,
Rm 1 22 Dizendo-se sábios, tornaram-se estultos,...

1Co 15 37 E, quando semeias, não semeias o corpo que há de nascer, mas o simples grão, como o de trigo, ou o de outra qualquer semente.

Mt 18 4 Portanto, quem se tornar humilde como esta criança, esse é o maior no reino dos céus.


Mc 13 10 Mas importa que primeiro o evangelho seja pregado entre todas as nações.

Mc 16 15 E disse-lhes: Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura.

Fp 2 11 e toda língua confesse que Jesus Cristo é Senhor, para glória de Deus Pai.

Gl 2 6 Ora, daqueles que pareciam ser alguma coisa (quais outrora tenham sido, nada me importa; Deus não aceita a aparência do homem), esses, digo, que pareciam ser alguma coisa, nada me acrescentaram;

1Sm 16 7 .... porque o Senhor não vê como vê o homem, pois o homem olha para o que está diante dos olhos, porém o Senhor olha para o coração.

Prezados internautas que viram o vídeo e leram as opiniões. Onde se lê "comeu a maçã" le-se conforme a Bíblia: Gn 3:6 Então, vendo a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento, tomou do seu fruto, comeu, e deu a seu marido, e ele também comeu.

Críticas destrutivas em nada adianta para o evangelho, traz mais escândalos ao povo de Deus.

Lc 19 40 Ao que ele respondeu:
Digo-vos que, se estes se calarem, as pedras clamarão. Não é para pensar??

Porque não aproveitar a rede para comentar o que se pode aprender com a atitude deste homem: coragem, obediência, vontade, humildade.
Sejamos sábios. Não julguemos para não sermos julgados.

1Pe 3 8 Finalmente, sede todos de um mesmo sentimento, compassivos, cheios de amor fraternal, misericordiosos, humildes, ...

e,
1Ts 5 17 Orai sem cessar.

Gil MA/BH-MG

Alexandre Braga disse...

GIL MA/BH-MG

Você está seguindo a mesma linha de raciocínio do pregador do "pregando a briba".
Lançou um monte de textos isolados, e quero lembrar-lhe que: texto sem contexto é pretexto para heresias.
O amado irmão precisa aprender a diferença de julgamento calunioso Mat. 7, e o julgamento no sentido de discernir, isto é, provar, examinar, combater o erro (Jo 7.24; Tt 1.10,11; 1 Jo 4.1; 1 Co 14.29; 1 Ts 5.21; Ap 2.20 [em destaque]; 1 Co 2.15; Is 5.20)
Palavras suas: Porque não aproveitar a rede para comentar o que se pode aprender com a atitude deste homem: coragem, obediência, vontade, humildade.
Sejamos sábios. Não julguemos para não sermos julgados.
Quanto sensacionalismo de sua parte! ninguém aqui está dizendo que o irmão está condenado ao inferno. Estamos dizendo que a palavra de Deus é coisa séria e deve ser "bem manejada"Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que MANEJA BEM a palavra da verdade." (2 Tm 2.15)
Dê uma olhada também no blog do Ciro: http://cirozibordi.blogspot.com/2009/03/julgar-ou-nao-julgar-eis-questao.html
também:
http://cirozibordi.blogspot.com/2007/08/o-julgamento-comea-pela-casa-de-deus.html
Sabe o que é coragem caro anônimo? Falar que acha que a mulher saiu da costela (o filé) e imaginase tivesse saído da "QUIPANHA".
Paz do Senhor a todos!