segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Que Deus abençoe o Brasil, o seu povo e os seus novos governantes

Pronto. Acabou as eleições. Agora vamos voltar para a nossa tarefa do fazer teológico. Mas antes, um detalhe: nós cristãos somos cidadãos deste país e temos o direito de fazer nossa voz ser ouvida, independente de quem senta na cadeira do Planalto.

A nossa tarefa é orar pelos detentores do poder, mesmo discordando fortemente do governo:

Em primeiro lugar peço que sejam feitos orações, pedidos, súplicas e ações de graças a Deus em favor de todas as pessoas. Orem pelos reis e por todos os outros que têm autoridade, para que possamos viver uma vida calma e pacífica, com dedicação a Deus e respeito aos outros. Isso é bom, e Deus, o nosso Salvador, gosta disso. (I Timóteo 2. 1, 2)

Que Deus abençoe a 40º presidente do Brasil e que ela cumpra as promessas do seu discurso de vitória proclamado na noite do domingo. Que Deus abençoe o Brasil como uma terra que progrida e avance rumo a estabilização institucional, econômica e social. Que possamos ver mais educação e menos corrupção, mais emprego e menos violência, mais saúde e menos contrabando... Sim, o Brasil nunca será uma Suíça, mas não podemos nos conformar que a oitava economia do mundo ainda tenha tanta miséria. Vamos orar e trabalhar pela nação.

Que Deus abençoe Dilma Rousseff. Não votei nela, como sabem, mas cabe a nossa intercessão pela presidente do Brasil e que seu governo não cumpra nossas previsões mais pessimistas baseadas no realismo político nacional. Que sejamos frustrados, pois será uma boa surpresa!

5 comentários:

Lene disse...

Amém!

alvaro disse...

chego a 3 conclusões:
1-vale o ditado que basta " pão e circo" para o povo ficar feliz.
2-se Maquiavel estivesse vivo,ele poderia bater no peito e dizer que tinha toda a razão.
3-DEUS deu varias chances a israel de escolher uma liderança que fosse de acordo a vontade DELE,mas quando escolheram ao contrario , tiveram as consequencias.
bom , tomara que eu esteja errado!!!

jurandir alves disse...

Gutierres,
Sempre e um prazer ler a clareza das suas exposicoes. Ao ouvir ontem a noticia da nova presidente, me entristeci porque se estivesse por ai, tambem nao votaria nela. Agora so nos cabe orar e procurar de maneira ordeira e sempre criteriosa, continuar combatendo o ministerio da iniquidade, que obviamente nao esta na bandeira de um oartido.
abracos

Anônimo disse...

Gutierres, Boris Casoy disse ontem à noite que nem Dilma nem Serra falou uma única vez em Deus nos seus respectivos discursos de reconhecimento de vitória e derrota.É intessante já que o nome de Deus foi usado com exaustão na campanha do segundo turno.

Emerson Costantini

claudiopimenta disse...

BEM JA TEMOS UM PRESIDENTE


ou melhor o mundo tem seu presidente e chama-se SATANAS