quarta-feira, 3 de agosto de 2011

O Dia do Orgulho Heterossexual e as besteiras da Bancada Evangélica

O vereador Carlos Apolinário (DEM-SP) resolveu levar uma ideia infeliz até o fim. A Câmara Municipal de São Paulo aprovou o Dia do Orgulho Heterossexual. Ah, mas não existe a comemoração do Orgulho Gay? Sim, existe e é uma idiotice. Eu não acho que combateremos idiotices com novas idiotices. E é bom lembrar que toda militância com orgulho é um horror!   Agora, o Projeto de Lei 204/2005 depende da sanção do prefeito Gilberto Kassab (PSD-SP).

A exaltação do Orgulho Gay pelas organizações militantes nada mais é do que uma tentativa de "racializar" a causa homossexual. Vamos entrar na onda deles? Aliás, o que nunca devemos é casar a ideia de orgulho com causas políticas. A história ensina que esse caminho nunca deu certo. Se os gays amam declarar essas bobagens, pois que falem sozinhos... Vamos viver em função deles?  

O projeto visa defender a "moral e os bons costumes".  Nós, cristãos, defenderemos a moral e os bons costumes com um estilo de vida irrepreensível e não com lei bobas. E nobre vereador honraria mais a moral trabalhando de verdade.  Em 2008, um apontamento da organização Transparência Brasil apresentava o autor do projeto como um dos menos produtivos em uma casa legislativa já mergulhada na mediocridade. Dos 55 vereadores paulistanos, Apolinário ficou na posição 47º com um Índice de Relevância de apenas 3,6%. Tomara que tenha melhorado nesses quase três anos! 

Que o vereador honre seu mandato com projeto relevantes para a cidade de São Paulo. Ah, e que vereadores evangélicos deste país trabalhem pela cidade e não por leis bobas e homenagens a pastores megalomaníacos. Vamos trabalhar, meu povo!

17 comentários:

Cristiano Silva disse...

Triste retrato da igreja evangélica brasileira, se afogando na própria mediocridade.

(Meu comentário pode ser forte, mas notícias como esta me desanimam mesmo).

Emerson disse...

Por falar em orgulho seria bom lembrar-mos da Palavra que nos guia:

"O orgulhoso de coração levanta contendas, mas o que confia no SENHOR prosperará."
Provérbios 28:25

João Emiliano Martins Neto disse...

Fico feliz, por um lado, porque na composição dessas bancadas ditas evangélicas, não há quase protestantes históricos, mas somente os inflados neomontanistas pentecostais/neopentecostais.

Por outro lado, fico triste como meu irmão Cristiano Silva, pois só nos resta a nós, os cristãos na prática epidérmica, ordinária e mais-do-que-comum da política, contarmos com essa tal bancada dita evangélica inflada de certas - essas sim - inadmissíveis idiotices teológicas...


Sola Scriptura! Ecclesia reformata et semper reformanda est!

Anônimo disse...

Cá com os meus botões,vejo esse tal de "Orgulho Heterossexual" vindo da Bancada Evangélica,mais como uma ironia que idiotice.Ora,idiotices vemos diariamente por parte dos que nos "governam".E o que é pior é que há bajuladores para aplaudí-las,idiotas também.Portanto,a criação desse Dia pelos nossos "inclitos" vereadores é mais uma das ironias que vemos na política tupiniquim desta era também irônica patrocinada pelos políticos evangélicos.

zwinglio rodrigues disse...

João Emiliano,

é... ser protestante histórico é garantia de ordenação de homossexuais, coisa dificílima de encontrar nas pentecostais e neopentecostais...

cada qual com sua mazelas idiotas...

zwinglio rodrigues disse...

Gutierres,

é incrível a falta de noção do Carlos Apolinário. Com um político dese naipe a sociedade está perdida.

Totalmente desnecessário um projeto desses e sua aprovação.

Parece até que há um recalque por trás disso.

Eu heni!

Orlando disse...

Deve ser uma grande ironia do vereador, ele deve estar querendo tirar uma com a cara dos gayzistas!

KAKAKAKAKA!!!

Abraços

Cristiano Silva disse...

A bancada evangélica bem que podia estudar este livro aqui, mas acho que isso seria pedir demais...

claudiopimenta disse...

meu irmao tenho visto muita controversia sobre como pedir grana na tv

vemos de um lado o hernades dias lopés muito etico do outro o silas vendendo o evangelho


poderia elaborar um texto sobre a forma errada e a correta de pedir ou todos os dois estao errados em pedir dinheiro para sustentar seu ministerio ?

Mario Sérgio disse...

Essa iniciativa do vereador Carlos Apolinário, é somente mais uma daquelas leis "cosméticas" que nossos ditos "representantes" adoram divulgar, aprovar ou mostrar como "trabalho parlamentar". Leis, que na prática em muitos casos, não alteram em nada o cotidiano do cidadão. Leis "pra inglês ver" como já se falava no tempo do império brasileiro.

Parabéns pela postagem!

Daladier Lima disse...

Sobram palavras e projetos, faltam exemplo e ética. Por essas e outras os ímpios prosperam.

Abraços!

João Emiliano Martins Neto disse...

Golpe baixo seu, irmão Zwinglio, porque o caso das ordenações de homossexuais foi decisão, pelo que fiquei sabendo, de UMA "igreja" "presbiteriana" americana e que não expressa a totalidade e nem a maioria do tipo de decisão administrativa e doutrinária tomada pelas seitas presbiterianas no mundo todo.

A proporção aqui é de 1(UMA) "presbiteriana" como a PCUSA para 1 milhão de seitas como a sua, caro irmão, neomontanistas pentecas/neopentecas, mergulhadas em toda sorte de caos, heresias, brutalidades, selvagerias, crimes e absurdos de toda sorte.

Wirley Almeida disse...

Caro irmão João Emiliano, a Paz do Senhor!
Abusos acontecem entre pentecostais e entre históricos também.
Quais foram os casos de caos, heresias, brutalidades, selvagerias, crimes e absurdos que encontrou neste blog pentecostal?

Aprendiz disse...

João Emiliano

Não perca a compostura. Certamente o colega a quem você respondeu não queria fazer pouco dos reformados.

Aprendiz disse...

Gutierres


Sobre a atitude do vereador Apolinário, digo o seguinte: Esta é uma guerra de natureza cultural e espiritual. Ora, a imensa maiora dos crentes não tem a menor idéia sobre o que fazer. Na verdade, a maioria nem entende o que está acontecendo. Apolinário fez o que lhe veio à cabeça, respondeu às provocações com uma provocação.

Realmente, ele mostrou que não entende bem a natureza desta guerra, e por isso agiu assim. Mas a imensa maioria de nós não entende também.

Dizendo de outra forma, não acho que o vereador Apolinário seja uma pessoa muito sábia. E não acho que seja menos sábio do que nós...

Nós somos como o tolo que fica quieto, e como disse Salomão, por ficar quieto passa por sábio.

João Emiliano Neto disse...

Irmão eleito Wirley, graça e paz!

Mas, pô, agora você me pegou, porque dá até dó de não ser penteca depois de ler o blog de nosso irmão eleito Gutierres. Realmente, é um blog IMPECÁVEL, excelente.

Só que o que não vale é viver, também, sob o frenesi próprio do neomontanismo penteca quando simplesmente, com equilíbrio, sem grito e em grande estilo basta apenas ler o que Espírito - que não pode se contradizer como queria, por exemplo, um Gunnar Vingren - diz infalivelmente e suficientemente na Bíblia.

Para piorar é sempre um risco - até de MORTE mesmo! - viver debaixo da vigilância de certos perigosos grandes líderes nacionais de sua seita protestante pentecostal, caro irmão Wirley.

É isso. Que Deus nos perdoe e abençoe.


Sola Scriptura! Ecclesia reformata et semper reformanda est!

Adm. Ronaldo Guedes disse...

Que tal dar um pouco de voz ao Carlos Apolinário?

O Genizah postou um texto de autoria do próprio, talvez seria uma atitude melhor de um cristão evitar as táticas chamativas e degradantes da midia secular, afinal ficar apotando o dedo por causa de uma opinião pessoal (digo pessoal pois não vi uma exposição bíblica sequer) não é lá uma postura biblicamente aceita e incentivada.

http://www.genizahvirtual.com/2011/08/sociedade-esta-endeusando-os.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+Genizah+%28Genizah%29